• 10/02/2024

    Para vegetarianos e veganos, papel do feijão na alimentação é ainda mais importante

    Dia Mundial do grão reforça valor nutricional do alimento e destaca seu diferente uso na adaptação de receitas sem proteína animal

    Normalmente visto como a dupla inseparável do arroz, o feijão também marca presença recorrente no prato dos brasileiros. E para os vegetarianos e veganos, ele desempenha um papel ainda mais importante na alimentação. Nesse cenário, o Dia Mundial do grão, comemorado nesse sábado, dia 10, reforça o valor nutricional do alimento e destaca seu diferente uso na adaptação de receitas sem proteína animal.

    Enquanto para alguns o feijão é apenas um acompanhamento, para aqueles que optam por não comer carne, ele pode ser um ingrediente principal, tornando o grão um aliado indispensável na cozinha. Com o objetivo de aumentar a conscientização sobre os benefícios das pulses, a data que evidencia as leguminosas foi instituída pela Organização das Nações Unidas para a Alimentação e Agricultura (FAO), em 2019.

    Por mais que apresente algumas variações, o carioca é o tipo mais consumido no Brasil, segundo dados atualizados no ano passado pela Empresa Brasileira de Pesquisa Agropecuária (Embrapa), com 56%. A Fumacense Alimentos, com a marca Kifeijão, é uma das indústrias que aposta no ramo.

    Nutrientes importantes para a saúde

    A leguminosa, que é tradicionalmente lembrada por possuir ferro, também detém outro importante nutriente – de maneira mais especial para os vegetarianos e veganos –, a proteína vegetal. Responsável pela parte estrutural do organismo, o consumo dessa substância presente no feijão é de grande importância para os seres humanos. Por isso, pessoas adeptas a esse estilo de vida devem apostar em fontes variadas para consumir a quantidade diária ideal.

    Uma nova proposta culinária

    Muito versátil, a leguminosa pode ser incorporada em diversos pratos totalmente sem origem animal, como salada de grãos, bolinhos de feijão, hambúrgueres e muito mais. "Ele se adapta facilmente em diferentes preparações, proporcionando texturas e sabores diferentes. Dessa forma, não só amplia as opções de refeição para vegetarianos e veganos, como também incentiva a criatividade na cozinha", destaca o diretor de Operações da Fumacense Alimentos, Jean Marquardt.

    Os bolinhos de feijão, por exemplo, são uma opção apetitosa para variar o cardápio, podendo ser servidos como petiscos, acompanhamentos ou até mesmo como prato principal. Já os hambúrgueres de feijão oferecem uma alternativa saudável e saborosa para aqueles que desejam desfrutar de uma refeição que normalmente seria associada à carne. "A inclusão é algo muito importante; precisamos olhar para novas possibilidades e ver o grande potencial por trás do grão", afirma Marquardt.

    Além disso, é essencial destacar a importância de os vegetarianos e veganos procurarem um nutricionista para garantir uma alimentação balanceada que atenda às necessidades específicas desse estilo de vida, fornecendo orientações sobre fontes alternativas de proteínas e outros nutrientes essenciais.

    VOLTAR
  • Assuntos relacionados:

    Relacionados:

    Imagem da notícia

    25/01/2024

    Investindo em logística reversa, Fumacense Alimentos recebe selo “eureciclo”

    Leia Mais
    Imagem da notícia

    28/12/2023

    Após ano de investimentos, Fumacense Alimentos inicia 2024 com boas expectativas

    Leia Mais
    Imagem da notícia

    01/12/2023

    Colaboradores da Fumacense Alimentos recebem diploma do programa de Educação de Jovens e Adultos

    Leia Mais